Site vende cadernos personalizados com mensagens do Twitter

Como o nome sugere, o serviço ‘TweetNotebook’ permite ao usuário criar um caderno de anotações decorado com seus próprios ‘tweets’. Basta digitar a conta do Twitter, para que o site do serviço redirecione e ‘cole’ as mensagens nas folhas do caderno.

O caderno tem no mínimo 320 páginas e, se o número de mensagens da conta do Twitter for inferior, as páginas serão preenchidas com tweets repetidos aleatoriamente. Caso tenha mais de 320 tweets, o número de páginas do caderno equivale à quantidade de mensagens postadas no Twitter até o momento do pedido no site, sem limite máximo.

O site envia os cadernos de tweets para todo o mundo – incluindo o Brasil –, num prazo de 8 a 30 dias, e o preço é sempre o mesmo: 12 euros (cerca de R$ 30), fora taxas de envio.

Twitter estreia nova página inicial e seleciona ‘melhores tweets’

O Twitter lançou uma nova página inicial nesta terça-feira (30), privilegiando o conteúdo de “twitteiros top”.

Ao abrir o site, o usuário encontra uma área entitulada “Top tweets”, constantemente atualizada com mensagens publicadas no novo perfil @toptweets. Segundo a descrição do perfil, um algoritmo “seleciona e retwitta alguns dos tweets mais interessantes” do site. Entre as personalidades retwittadas estão o cantor Justin Bieber e o chef Jamie Oliver.

"Com o novo design, estamos intencionalmente mostrando mais conteúdo dinâmico na página inicial, revelando uma amostra de quem está aqui, sobre o que as pessoas estão twittando", escreveu a equipe do Twitter em seu blog oficial.

Em julho, outra mudança na página inicial do Twitter passou a mostrar os tópicos mais populares e dar destaque para o mecanismo de busca no site. Foi quando o popular serviço introduziu a frase "See what people are saying about..." ("Veja o que as pessoas estão dizendo sobre ...").

Sapos foram capazes de prever terremoto em L'Aquila, afirma estudo

O comportamento dos sapos durante o período de acasalamento pode possibilitar "prever o imprevisível", ou seja, um sismo, segundo estudo publicado por pesquisadores de uma universidade britânica.

Uma "alteração brusca no comportamento" dos sapos comuns machos (Bufo-bufo) foi percebida "cinco dias antes do sismo" ocorrido na cidade italiana de L'Aquila , no dia 6 de abril de 2009, de acordo com a equipe que vigiava esses anfíbios em seu local de reprodução.

Os resultados obtidos sugerem que "os sapos comuns Bufo-bufo são capazes de pressentir eventos sísmicos importantes e de adaptar seu comportamento em consequência", disse a bióloga Rachel Grant da Universidade Open, em Milton Keynes, Reino Unido.

Junto de seu colega Tim Halliday, da Oxford, ela observava por vários dias os animais a 74 quilômetros de Áquila, no momento em que a cidade foi surpreendida pelo terremoto de magnitude de 6,3 graus, que fez 299 vítimas.

Cinco dias antes do tremor, o número de sapos machos presentes no local de reprodução brutalmente reduziu em 96%, um comportamento "altamente incomum" para esses anfíbios, segundo o estudo publicado no "Journal of Zoology".

"Uma vez que os sapos chegam para se reproduzir, eles ficam habitualmente ativos em grande número no local de reprodução até que o período de acasalamento termine", lembraram Grant e seu colega da Oxford.

Nos três dias precedentes ao tremor, o número de casais caiu para zero.

Depois de terem abandonado o local com a proximidade do sismo, os machos retornaram para lá timidamente na lua cheia. Mas eles eram bem menos numerosos que nos anos anteriores: somente 34, contra 67 a 175 sapos contados no passado.

No dia 15 de abril, tendo se passado vários dias após o terremoto e dois dias depois da sua última réplica importante, o número de sapos continuou mais baixo que de costume.

Os pesquisadores confessam que não sabem ao certo "qual sinal ambiental" os sapos captaram com "tanta antecedência". Mas eles destacaram que a baixa das atividades dos anfíbios coincidiu com as "perturbações pré-sísmicas na ionosfera", camada superior da atmosfera onde os gases são ionizados (elétricos).

Essas perturbações detectadas em radiofrequências baixas podem estar ligadas a vazamentos de radônio, gás radioativo que surge do subsolo terrestre, ou às ondas gravitacionais.

Outros animais como elefantes, peixes, serpentes ou lobos também foram estudados no passado à procura de sinais precursores de sismo, sem, entretanto, fornecer dados tão concretos como os dos sapos.

Autora de 'Crepúsculo' lança novo romance vamp em junho

A escritora Stephenie Meyer, da série "Crepúsculo", terá um novo livro lançado em 5 de junho.

"The short second life of Bree Tanner" (A segunda e curta vida de Bree Tanner, em tradução literal) sai no mercado norte-americano pela editora Little, Brown Books for Young Readers.

A história é contada do ponto de vista de Bree, uma personagem adolescente "recém-vampirizada" que aparece por cerca de 10 páginas no romance "Eclipse" e depois morre. Bree Tanner também dá as caras na adaptação de "Eclipse" para o cinema, interpretada pela atriz Jodelle Ferland.

Primeira obra ambientada no universo dos vampiros de "Crepúsculo" desde "Amanhecer", de dois anos atrás, o romance de 192 páginas terá tiragem inicial de 1,5 milhão de cópias, de acordo com informações do jornal "USA Today".

"Eu comecei a escrevê-lo muito tempo atrás", disse Meyer em entrevista ao diário americano. "Foi quando eu estava editando 'Eclipse'. Era mais um exercício para que eu pudesse entender claramente o que estava se passando na história."

Antes do anúncio do livro de Bree Tanner, a expectativa era de que o próximo lançamento da saga dos vampiros de Meyer fosse "Midnight sun", uma história contada pela perspectiva de Edward Cullen.

Na entrevista ao "USA Today", a autora disse que deixou de lado essa história em 2008, depois que um rascunho vazou na internet.

LHC promove as primeiras colisões de partículas 'de laboratório' da história

Cientistas anunciaram ter conseguido nesta terça-feira (30) às 8h06 (hora de Brasília), pela primeira vez, a colisão de feixes de prótons no acelerador gigante de partículas LHC. “Muitas pessoas esperaram muito tempo por este momento, mas sua paciência e dedicação está começando a render dividendos", comemorou Rolf Heuer, diretor-geral da Organização Europeia para Pesquisa Nuclear (Cern, na sigla em francês, a instituição responsável pelo LHC).

O maior experimento científico do mundo consiste em colidir partículas no nível mais alto de energia já tentado, recriando as condições presentes no momento do Big Bang, que teria marcado o nascimento do universo, 13,7 bilhões de anos atrás.

O Grande Colisor de Hádrons (LHC), situado em um túnel subterrâneo circular de 27 quilômetros de extensão sob a fronteiro franco-suíça, começou a circular partículas em novembro passado, depois de ser fechado em setembro de 2008 por causa de superaquecimento.

A experiência teve sucesso depois de duas tentativas frustradas durante a madrugada. De acordo com os pesquisadores, ela abre portas para uma nova fase da física moderna, ajudando a responder muitas perguntas sobre a origem do universo e da matéria.

As colisões múltiplas a uma energia recorde (7 TeV, ou 7 trilhões de eletronvolts) criam "Big Bangs em miniatura", produzindo dados que milhares de cientistas passarão anos futuros analisando.

Acelerar prótons a 7 trilhões de eletronvolts significa que eles correm a 99,99% a velocidade da luz (cerca de 300 mil km por segundo), ou 11 mil voltas por segundo no megatúnel de 27 km.

*Com informações da France Presse e da Agencia EFE

USP, Unicamp e Unesp divulgam calendário do vestibular 2011

Confira algumas datas:

Unicamp
Inscrições - 23/08 a 08/10
Prova da 1ª fase - 21/11
Provas da 2ª fase - 16, 17 e 18/01/2011
Convocados em 1ª chamada - 07/02/2011

Mais informações em www.comvest.unicamp.br

Fuvest 
Inscrições - 27/08 a 10/09
Prova da 1ª fase - 28/11
Provas da 2ª fase - 09 a 11/01/2011
Convocados em 1ª chamada - 09/02/2011

Além da USP, vale lembrar que o vestibular da Fuvest seleciona alunos para a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo e Academia de Polícia Militar do Barro Branco.
Mais informações em www.fuvest.br
 
Unesp
Prova da 1ª fase - 14/11
Provas da 2ª fase - 19 e 20/12
Convocados em 1ª chamada - 3/02/2011
O prazo para inscrições ainda será divulgado.

Mais informações em www.unesp.br ou www.vunesp.com.br

Nos sites podem ser verificados os dias em que serão aplicadas as provas de aptidão, quando houver, além das datas já definidas para as matrículas - nos casos da Unicamp e Fuvest. 

Como mudar as cores no twitter?

Para mudar as cores do seu twitter:
01. Acesse sua conta;
02. Clique em Settings
03. Observe que vai aparecer algumas abas, clique em design
04. Depois desça a barra de rolagem, e clique em Change design colors
05. Só escolher as cores que você gostar, agora.
06. Não esqueça de clicar em Save Changes para confirmar o que você fez.



Pronto!
Vvocê mudou as cores do teu twitter!

Good-bye Twitter - Miley Cirrus

Good-bye Twitter                                      Adeus Twitter

Yeah, the rumors are trueSim, os boatos são verdadeiros
I deleted my twitterEu deletei meu twitter
Can't you believe it?Você não consegue acreditar?
I got two, 2 millionEu tinha 2 milhões
Then I said adios,Então eu disse "adios",
I have to say goodbyeEu tenho que dizer adeus
And this little rap is to tell my fans whyE esse pequeno rap é para dizer aos meus fãs porque
No, it wasn't becauseNão, não foi porque
My friend told me toMeu amigo me disse para fazer
Y'all know very wellVocês sabem muito bem que
What you say, I don't doO que você diz, eu não faço
And the reasons are simpleE as razões são simples
I started tweeten 'bout pimplesEu comecei a twittar sobre espinhas
I stopped living for momentsEu parei de viver por momentos
And started living for peopleE comecei a viver por pessoas
Yeah, you write what you're doingSim, você escreve o que você está fazendo
But, who really caresMas quem realmente se importa
If I'm playing with NoahSe eu estou brincando com Noah
Or just doing my hair?Ou apenas fazendo meu cabelo?
Everything that I type andTudo que eu digito e
Everything that I doTudo que eu faço
All those lame gossip sitesTodos esses sites chatos de fofocas
Take it and they make it newsPegam e transformam em notícias
I want my private, life privateEu quero a minha privacidade, a vida privada
I'm done trying to pleaseEu estou cansada de tentar agradar
I ain't living for tabloidsEu não estou vivendo para tablóides
No! I'm living for meNão! Eu estou vivendo para mim
No more emo quotes andSem mais citações emos e
Fake feuds with DemiBrigas falsas com Demi
Yeah, I'm done with all thatSim, eu estou cansada de tudo isso
And the thuth is I'm too busyE a verdade é que eu estou muito ocupada
Yeah, I gotta admitSim, eu tenho que admitir
I miss Dane Cooks tweetsEu sinto falta dos tweets da Dane Cooks
And I really like looking at Katy Perry and BritneyE eu realmente gosto de olhar os da Katy Perry e da Britney
I might have some with drawalsEu poderia ter alguma fala arrastada
I was a little obessedEu estava um pouco obssecada
But I'm peacing out andMas eu estou na paz e
I'm leaving with thisEu deixando isso pra lá
GoodbyeAdeus
GoodbyeAdeus
l

Engenheiro cria USB 'infinito'


Quem nunca sentiu falta de mais uma entrada para USB em seu computador? Com a presença cada vez maior desse tipo de cabo em gadgets e apetrechos diversos, essa falta acaba irritando até o mais calmo dos geeks. Pensando nisso, o designer e engenheiro chinês Gonglue Jiang criou o cabo USB "infinito", que permite a conexão de inúmeros USBs numa mesma entrada. Segundo o site Yanko Design, a invenção tem ainda uma outra vantagem: as várias cores dos cabos vão permitir que você não se confunda entre eles.

Avião "legendado" diverte passageiros de companhia aérea


 O passageiro que viajar com a Kulula, uma companhia aérea da África do Sul operante desde 2001, já começa a viagem com um conhecimento básico sobre aviões. A empresa lançou recentemente o “Flying 101”, uma aeronave com exterior adornado com legendas explicativas.

O objetivo das legendas não é só educativo, as setas apontam para cada parte do avião com explicações engraçadas. As janelas são descritas como “a melhor vista do mundo”. Apontada em direção à porta dianteira, está a frase “nossa porta está sempre aberta, exceto quando estamos a 41.000 pés de altura".

Mesmo sendo uma empresa de baixo custo nas passagens, a Kulula Airlines é famosa por seu grande volume de investimento em marketing, com boas doses de humor. O Flying 101 é uma prova disso. Veja mais fotos da aeronave:

F-35 faz seu primeiro pouso vertical

O lendário caça Herrier já vê seu substituto: o jato F-35 Lighting realizou, em março, seu primeiro pouso vertical, segundo o site da Revista Popular Science. Com 13 minutos de vôo, o piloto Graham Tomlinsom posicionou o avião a 45 metros do chão, pairando no ar por um minuto, e então desceu.

O teste aconteceu na pista do Patuxent River Naval Air Station, nos Estados Unidos, e foi iniciado com uma decolagem curta de 93 km/h. Tomlinson afirmou que o pouso vertical com o F-35 foi mais fácil do que com os aviões mais antigos, como o Herrier.

O sucesso do pouso deixa a implantação da nova geração de jatos mais próxima. Os primeiros treinamentos de pilotos para o F-35 estão prometidos para o segundo semestre deste ano. Veja o vídeo do teste de pouso abaixo:

Sentença do julgamento do casal Nardoni deverá ser transmitida ao vivo

O juiz Maurício Fossen, que preside o julgamento do caso Isabella, informou na manhã desta sexta-feira (26) que o áudio da sentença será transmitido ao vivo para a imprensa que está no Fórum de Santana, na zona norte de São Paulo. A previsão da assessoria do Tribunal de Justiça é de que a decisão do julgamento só saia na madrugada deste sábado (27), por volta da 1h.

Com a transmissão ao vivo, os jornalistas poderão informar quase simultaneamente se o casal Nardoni foi absolvido ou condenado.
Pelo cronograma estimado pelo tribunal, a sessão desta sexta-feira deve começar por volta de 10h com a argumentação do promotor Francisco Cembranelli. Logo após deve ser feita uma pausa para almoço e, por volta de 14h, a sessão recomeça com a exposição dos argumentos da defesa. Em seguida, o juiz deve perguntar se o Ministério Público quer usar o direito de réplica.

Caso Cembranelli queira, serão mais duas horas de argumentação. Neste caso a defesa também terá direito a mais duas horas de argumentação para a tréplica. Depois disso pode haver um intervalo para o jantar e, por volta de 22h30, os jurados devem ser reunidos na sala secreta para votação.

O juiz só deve voltar à plenária para dizer o que foi votado, por volta de 1h do sábado.

Fernanda flexiona joelhos, mas Boninho valida sua liderança

Durante a Prova do Líder, do BBB10, nesta quinta-feira (25), alguns participantes descumpriram uma das regras da disputa, mas foram "perdoados" por Boninho. Durante a explanação da prova, o apresentador Pedro Bial deixou claro que ninguém poderia flexionar os joelhos.

Mas não foi o que aconteceu: Fernanda, Lia e Dourado dobraram as pernas algumas vezes. Na foto ao lado, feita por uma telespectadora do programa, pode-se ver a dentista Fernanda flexionando os joelhos. No Twitter, a imagem causou revolta, e os internautas reclamaram para Boninho no microblog. No entanto, o diretor do programa respondeu dizendo que todos tinham direito a uma falha.

- Para ser justo, todos recebem até um aviso. Fernanda e Lia penduradas.

Mas os internautas insistiram em reclamar. Boninho respondeu novamente, de forma direta:

- Estão todos retos e sempre prefiro não eliminar, só se for descarado! Um pouco vale pra todos.

Ao final da prova do líder, Fernanda ganhou o colar da imunidade e um apartamento de R$ 220 mil. O diretor, ainda pelo Twitter, disse a seus seguidores que foi uma prova justa.

- Prova absolutamente correta. Todos, todos cometeram pequenas infrações. O próprio Dourado acaba de validar o final. Fernanda nova líder.

Manuscrito: revelado título do novo CD de Sandy

O primeiro CD solo de Sandy já tem nome: Manuscrito. A cantora publicou em sua página pessoal no twitter detalhes sobre seu novo projeto, que chegará às lojas em maio. 

O título do CD remete às faixas autorais do projeto, compostas pela própria intérprete. Algumas das trilhas tiveram colaborações na composição e na produção, como o marido da cantora, Lucas Lima, e o irmão e ex-dupla de Sandy, Júnior. O primeiro single, que ainda não teve o nome divulgado, tocará nas rádios a partir de abril.

Novo exame da OAB será no dia 18 de abril

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) anunciou, ontem, que a segunda fase do exame de Ordem será no dia 18 de abril. A prova foi anulada em 7 de março por suspeita de vazamento - um candidato teria sido flagrado com o gabarito durante a realização do exame, em Osasco (SP).

A nova data foi definida pelo Conselho Federal da OAB, ontem à tarde. O horário de aplicação da prova é aquele já estipulado em edital. A fraude está sendo investigada pela Polícia Federal. O exame de Ordem habilita bacharéis de direito a exercerem a advocacia.

Vazamento

Segundo as denúncias, um candidato teria tido acesso à prova antes de sua aplicação, no dia 28 de fevereiro passado. O vazamento teria sido da prova prática de Direito Penal. O exame foi aplicado de forma unificada em todo o país. No total, 18,7 mil candidatos fizeram as provas em 155 locais. Em Osasco, cidade onde foi detectada a suposta fraude, 152 bacharéis foram aprovados para a segunda fase do exame.

“A anulação é para preservar a imagem da Ordem, a credibilidade do exame e, sobretudo, também preservar a qualidade dos colegas que vão entrar na profissão, disse o presidente da OAB, Ophir Cavalcanti, na ocasião do cancelamento da segunda fase do exame. “É muito mais seguro para todos que esse exame seja refeito.”

Forma de pagamento define preço da gasolina

Não é preciso andar muito para encontrar um posto de combustível em Fortaleza que pratique preços diferenciados para abastecimento em dinheiro e no cartão de crédito. A prática desagrada e fere os direitos do consumidor. “No caso das compras com cartão, não é lícito cobrar preço diferenciado, a não ser se a compra for parcelada, uma vez que pode haver juros. As compras realizadas para o vencimento do cartão não podem ter valor diferente das compras à vista”, esclarece o presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da Ordem dos Advogados do Ceará (CDC-OAB), Eginardo Rolim.

Segundo o presidente da CDC, muitos postos de combustível alegam que, nas compras com o cartão, a operadora só irá pagá-los em até 30 dias. No entanto, após o pagamento com o cartão, o consumidor não possui mais nenhum compromisso com o estabelecimento comercial e, por isso, não deve pagar a mais. “Nesse caso, cobrar preços diferentes ao consumidor configura uma infração ao Código de Defesa do Consumidor”, afirma.

QUEBRA DE CONTRATO

O secretário executivo do Programa Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Decon), promotor João Gualberto Soares, explica que, para pagamentos realizados em até 30 dias, não pode ser feito preço diferenciado aos consumidores. “O contrato entre as operadoras de cartões de crédito e os postos de combustível estabelece que não é possível haver diferenciação de preço para pagamentos feitos em dinheiro e no cartão para até 30 dias. Se isso está ocorrendo, configura um quebra de contrato”, afirma.

Para a servidora pública, Simone da Silva, a diferenciação de preços praticada pelos postos atrapalha bastante na hora de abastecer. “Como não costumo parcelar pagamentos de combustível, acabo usando muito mais o débito em conta ou dinheiro vivo. Quando quero usar cartão de crédito, mesmo que seja no vencimento, pagando em 30 dias, sou obrigada a aceitar um preço mais alto, de 15 ou até 30 centavos a mais por litro”, conta.

FISCALIZAÇÃO

De acordo com o promotor João Gualberto, o Decon realiza a fiscalização dos postos de combustível da Capital, sobretudo quando são registradas reclamações dos consumidores, e já autuou alguns estabelecimentos. “Nós registramos várias reclamações dos consumidores a esse respeito e alguns postos foram multados. Já dois postos de Fortaleza solicitaram liminares na justiça”, diz. De acordo com o promotor, a multa sofrida pelos postos nesse caso pode variar entre R$ 485,14 e R$ 7,4 milhões.

CONDENAÇÃO

Nesta semana, um posto de combustível do Rio Grande Sul foi proibido pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) de cobrar preços diferenciados para pagamentos em dinheiro e os previstos para pagamentos em cartão de crédito não parcelado, sob pena de multa diária de R$ 500,00. Por unanimidade, os ministros da Terceira Turma entenderam que o pagamento efetuado com cartão de crédito é à vista porque a obrigação do consumidor com o fornecedor cessa de imediato.

O caso chegou ao Poder Judiciário em ação coletiva de consumo promovida pelo Ministério Público do Rio Grande do Sul. O juízo de primeiro grau determinou apenas a equiparação dos preços para pagamento em dinheiro e cheque à vista. No julgamento da apelação, o tribunal gaúcho manteve o preço diferenciado para pagamentos com cartão de crédito por considerar que o comerciante só recebe o efetivo pagamento após trinta dias.

O relator do recurso no STJ, ministro Massami Uyeda, destacou inicialmente que, como não há regulação legal sobre o tema, deve ser aplicado o Código de Defesa do Consumidor (CDC). Para decidir, o relator analisou as relações jurídicas do contrato de cartão de crédito. Há uma relação entre a instituição financeira que emite o cartão e o cliente, que paga uma taxa de administração. Há outra relação entre a instituição financeira e o comerciante, que transfere um percentual da venda em troca da total garantia de recebimento do crédito.

Massami Uyeda concluiu que o pagamento por cartão de crédito garante ao estabelecimento comercial o efetivo adimplemento e que a disponibilização dessa forma de pagamento é uma escolha do empresário, que agrega valor ao seu negócio, atraindo, inclusive, mais clientes. Trata-se, portanto, de estratégia comercial que em nada se refere ao preço de venda do produto final. (Com informações do site do STJ)

O que é mail2blogger?

O Mail-2-Blogger transforma qualquer mensagem enviada para um determinado e-mail em postagem. Em Configurações > Email você pode criar um endereço Mail-2-Blogger que você irá utilizará para enviar mensagens via e-mail para o seu blog

MEC estuda fazer Enem 2010 em 6 e 7 de novembro

O Ministério da Educação (MEC) estuda fazer a próxima prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano nos dias 6 e 7 de novembro, logo após o segundo turno das eleições. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (24) pela Agência Brasil, mas a assessoria do órgão não confirma oficialmente a possível data.

Na terça-feira (23), o ministro Fernando Haddad discutiu um possível calendário com a Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes). Segundo o presidente da associação, Alan Barbieiro, as inscrições para a prova devem começar em junho ou julho, e o processo deve estar concluído até janeiro de 2011.

Também na terça, a secretária de Educação Superior do MEC, Maria Paula Dallari, anunciou que o MEC deve realizar uma nova etapa do Sistema de Seleção Unificada (SiSU) no início de junho. O sistema vai trazer pelo menos uma mudança: o aluno deve ter somente uma chance de escolher os cursos de preferência, e não três, como na etapa do começo deste ano.

Segundo Maria Paula, ao final dessa seleção única, será gerada uma grande lista e, com base nela, devem ser feitas sucessivas chamadas, até que as vagas estejam preenchidas. Ainda não está definido, mas o ministério discute quantas opções de curso o estudante poderá fazer nesta seleção e qual o critério de hierarquia que será utilizado.

As instituições federais poderão aderir ao sistema a partir do final de abril. Devem participar, entre as 51 instituições que já fazem parte do SiSU, as que têm processo seletivo de meio de ano. A secretária não descartou, no entanto, que outras universidades participem desta etapa.

Vereador quer barrar Parada Gay em SP

O vereador Carlos Apolinário (DEM) apresentou ontem um projeto de lei para vetar a realização da 14ª Parada Gay de São Paulo na Avenida Paulista, marcada neste ano para o dia 6 de junho. A iniciativa já conta com o apoio antecipado das principais lideranças da Câmara Municipal.

É a segunda vez que Apolinário, do mesmo partido do prefeito Gilberto Kassab, afronta o Executivo. O projeto foi apresentado um dia após Kassab confirmar a parada deste ano na principal avenida da cidade.

Membro da Assembleia de Deus e dono de rádio evangélica, Apolinário conseguiu há duas semanas, ao articular a derrubada de um veto do prefeito, reduzir as normas de fiscalização da lei do silêncio.

"Se a Marcha Para Jesus e a festa do Dia 1º de Maio já ocorrem no Campo de Marte (localizado na zona norte da capital), a parada também pode ocorrer no mesmo local, sem prejuízo à rede hoteleira da cidade", argumenta Apolinário.

O projeto que pode vetar a parada deve entrar em tramitação na Casa a partir de amanhã.

Gabrielli: Petrobras precisa de aporte de até US$ 25 bi

Por Kelly Lima
 
O presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli, afirmou hoje que a companhia precisa de um aporte de algo entre US$ 15 bilhões e US$ 25 bilhões para fazer frente ao plano de investimentos entre 2010 e 2014, que pode chegar a US$ 220 bilhões.

"É o valor que precisa entrar no caixa da empresa para manter a atual relação capital versus dívida, e capital versus Ebitda", disse em entrevista concedida após participar do lançamento do patrocínio para projetos sociais no Brasil. No final de 2009, o nível de alavancagem da companhia era de 31%, segundo seu balanço financeiro, e a estatal afirma que o máximo a que iria se expor em alavancagem seria chegar a 35%.
Segundo ele, este volume de recursos corresponde ao que a companhia estima receber durante o processo de capitalização previsto para ocorrer até o final deste semestre. O valor é equivalente apenas à participação dos acionistas minoritários no capital da companhia, e exclui o valor que o governo federal vai aportar no processo de capitalização.

Este aporte do governo será utilizado para pagar à própria União pelos cinco bilhões de barris de óleo do pré-sal que hoje ainda estão sendo buscados no norte da área de Iara, na Bacia de Santos, e que serão incorporados às reservas da Petrobras por uma cessão onerosa.
 
De acordo com Gabrielli, a Petrobras realizará a capitalização até o final do primeiro semestre de 2010, mesmo que não haja a autorização para que estes barris sejam cedidos pelo governo ainda este ano. Até então, os dois processos estavam sendo tratados de maneira casada e por várias vezes houve a afirmação de que seriam simultâneos.

O novo plano de negócios da Petrobras para o período de 2010-2014 ainda está sendo detalhado pela companhia. Porém, na sexta-feira passada, na última reunião presidida pela ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, o conselho de administração da estatal aprovou uma orientação para que os investimentos no período fiquem entre US$ 200 bilhões e US$ 220 bilhões. No plano anterior, os investimentos previstos eram de US$ 174,4 bilhões.

A companhia divulgou, em nota à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que mantém a expectativa de que a aprovação da proposta de capitalização, que se encontra em discussão no Congresso Nacional, possa ser concluída ainda no primeiro semestre de 2010. "Trabalhamos com a possibilidade de fazer junto com a cessão. Só se não houver alternativa faremos separadamente", disse Gabrielli.

Também em nota, a estatal informou que efetuou análise e definição dos procedimentos societários necessários à aprovação da capitalização, observando-se a Lei das S.A. e o seu estatuto, que incluirão entre outros, a convocação de assembleia geral extraordinária de acionistas para aprovação da capitalização e a observância do direito de preferência a todos os acionistas.

Copyright © 2010 Agência Estado. Todos os direitos reservados.

FPF e Globo vão à Câmara de São Paulo para barrar lei

Em audiência na Câmara Municipal de São Paulo marcada às pressas para discutir um projeto já votado em segunda e definitiva discussão, a Globo Esportes e a Federação Paulista de Futebol (FPF) pressionaram nesta terça-feira os vereadores pela alteração da proposta que impede a realização de jogos de futebol na capital paulista depois das 23h15.

Marcelo de Campos Pinto, diretor executivo da Globo, chegou a dizer em plenário que clubes como Corinthians e São Paulo passariam a mandar seus jogos fora da cidade por causa da regra, o que seria pior para seus torcedores do que as partidas com final perto da meia-noite. O presidente da FPF, Marco Polo Del Nero, fez ameaça maior. Declarou que os clubes paulistas podem ser impedidos pela Conmebol de participarem da Copa Libertadores a partir de 2011, por não cumprirem os acordos de transmissão de TV em seu País.

O texto que obriga os jogos a começarem no máximo às 21h15 foi aprovado há duas semanas por 43 dos 55 vereadores e aguarda sanção ou veto do prefeito Gilberto Kassab (DEM), que ainda não manifestou sua posição. Se o prefeito não vetar a proposta nos próximos oito dias, a Câmara pode promulgar o projeto e a regra, desta forma, entra em vigor.

Nos últimos dias, porém, executivos da Globo e dirigentes da FPF têm pressionado tanto o Executivo como a Câmara pela alteração do texto. As audiências no Legislativo são marcadas sempre antes das votações dos projetos. Mas, após pedido feito por Del Nero ao presidente da Câmara, Antonio Carlos Rodrigues (PR), uma reunião aberta foi marcada para que fossem apresentados os argumentos dos dirigentes e executivos contrários à mudança. Durante quase quatro horas, houve embate entre os representantes da Globo e da FPF com os vereadores.

Segundo o diretor executivo da Globo Esportes, os jogos realizados às 21h45 nos dias de semana registraram em 2009 média de público de 23.787 pagantes, superior à dos jogos realizados às 21 horas, de 17.911. "A plasticidade dos estádios cheios também nos interessa, dá credibilidade à TV, que representa o estádio infinito. Por isso há uma imperiosa necessidade de que sejam mantidos os jogos às 21h45", argumentou o diretor.

O tom de ameaça do executivo e do dirigente causou mal-estar e momentos de tensão no plenário. "Na base do tapetão, estão tentando uma prorrogação que não existe. O projeto já foi votado, está nas mãos do prefeito", bradou o vereador Adilson Amadeu (PTB). Apesar da pressão, o Legislativo descartou por enquanto elaborar novo projeto. Presente na audiência, o secretário municipal de Esportes, Walter Feldmann, disse que Kassab ainda não decidiu se vai vetar a iniciativa da Câmara.

Por: Diego Zanchetta
Copyright © 2010 Agência Estado. Todos os direitos reservados.

Mulher no volante, perigo constante ?

Balizas, barruadas, choques, batida de carros...

ESTOU AO VIVO

TEMAS DE SÉRIES

Olha  o que esse cara fez!
Muito bem bolado o vídeo!
Curte aí!

Kaspersky Internet Security 2010v9.0.0.736+40 WORKING KEYS+Resseter Full

 
Nome:
Kaspersky Internet SecurityFabricante: Kaspersky Labs


Estilo:
Segurança do Pc
Sistema Operacional:
Windows Xp/Vista/7
Ano de Lançamento:
2010

Baixe e economize R$103,00


Tamanho:
74 MB
Formato:
Rar
Facilidade de Uso:
10
Interface Gráfica:
10
Número de Mídias:
N/A
Idioma:
Inglês
ou

Tamanho:
65 MB
Formato:
Rar
Facilidade de Uso:
10
Interface Gráfica:
10
Número de Mídias:
1 CD
Idioma:
Português

Kaspersky
Ativação

E depois do TERABYTE vem o? 144 petabytes em um cartão de memória?

144 petabytes em um cartão de memória?

144 petabytes em um cartão de memória? É o que promete o padrão CompactFlash 5.

Espaço não será problema para a nova versão de cartões de memória da CompactFlash Association.

Espaço em disco para armazenar arquivos, vídeos e músicas nunca é demais, certo? E que tal ter 144 PB (petabytes) em um cartão de memória? De acordo com a organização que responsável pela especificação do padrão CompactFlash para cartões de memória, essa ideia não está tão longe de se tornar realidade.

A CompactFlash Association anunciou a finalização da versão 5.0 do padrão acima citado. O que o usuário ganha com isso? Para começar, o endereçamento aumentou de 28 para 48 bits. Com isso é possível aumentar consideravelmente a capacidade máxima de armazenamento dos cartões de memória.

Se hoje os cartões contam com, no máximo, 137 GB de espaço para armazenamento de arquivos, os futuros dispositivos podem oferecer até 144 petabytes de espaço. Isso mesmo, petabytes.

Para refrescar a memória: 1 Petabyte = 1 024 TB = 1 048 576 GB. Ou seja, 144 PB = 147 456 TB = 150 994 944 GB. É muito mais espaço do que os discos rígidos possuem atualmente e disponível em um dispositivo de tamanho reduzido.

Não há previsão para o lançamento de cartões no mercado que sigam o padrão 5.0, mas ainda pode levar alguns meses que até os fabricantes entrem na onda, implementem a tecnologia e comecem a tirar as primeiras peças do forno.

Como se cadastrar no 6te

Para se cadastrar no site 6te.net é muito simples:

Acesse http://www.freewebhostingarea.com/
Depois de acessar o site o site acabei vendo que não é mais possível registrar seu domínio gratuito 6te.net. E então, isso é o fim?

Não! Você tem cinco opções a escolher: eu5.org / noads.biz / freevar.com / ueuo.com / freeoda.com
Todas contas gratuitas e de fácil e rápido cadastro.

Para se cadastrar em um desses 05 serviços de domínio e hospedagem gratuitos, depois de acessar o site acima, procure por:
Clique para ampliar


Logo Após o www. escolha o nome de usuário para sua conta, por exemplo diogofn.eu5.org e clique em PROCEED

Após clicar em proceed, irá se abrir uma nova janela para você continuar seu cadastro.

Clique para ampliar
Nos campos que aparecerão, complete da seguinte forma:
No primeiro, vai teu e-mail, válido.
No segundo, sua senha (com números e letras) no seguinte, confirme-a.
Depois, clique na caixa e aceite os termos de uso.
No quarto digite o que aparece no quado do lado.
A seguir, clique em CREATE
Pronto.
Sua conta está feita, talvez possa ser necessário abrir sua caixa de e-mail para verificação de conta.
É só você acessar seu e-mail e clicar no link que chegou no e-mail para você confirmar seu cadastro.

Até o próximo post!

22 Minutos de Gof of War III

Deus é Mau?

Alemanha - Inicio do século 20


Durante uma conferência com vários universitários, um professor da Universidade de Berlim desafiou seus alunos com esta pergunta:
- Deus criou tudo o que existe?


Um aluno respondeu com grande certeza:
- Sim, Ele criou!
-Deus criou tudo? Perguntou novamente o professor.
-Sim senhor, respondeu o jovem.


O professor indagou:
- Se Deus criou tudo, então Deus fez o mal? Pois o mal existe, e partindo do preceito de que nossas obras são um reflexo de nós mesmos, então Deus é mau?


O jovem ficou calado diante de tal resposta e o professor, feliz, se regozijava de ter provado mais uma vez que a fé era uma perda de tempo.
Outro estudante levantou a mão e disse:
- Posso fazer uma pergunta, professor?
- Lógico, foi a resposta do professor.


O jovem ficou de pé e perguntou:
- Professor, o frio existe?
- Que pergunta é essa? Lógico que existe, ou por acaso você nunca sentiu frio?


Com uma certa imponência rapaz respondeu:
- De fato, senhor, o frio não existe. Segundo as leis da Física, o que consideramos frio, na realidade é a ausência de calor. Todo corpo ou objeto é suscetível de estudo quando possui ou transmite energia, o calor é o que faz com que este corpo tenha ou transmita energia. O zero absoluto é a ausência total e absoluta de calor, todos os corpos ficam inertes, incapazes de reagir, mas o frio não existe. Nós criamos essa definição para descrever como nos sentimos se não temos calor.


- E, existe a escuridão? Continuou o estudante.


O professor respondeu temendo a continuação do estudante: Existe!
O estudante respondeu:
- Novamente comete um erro, senhor, a escuridão também não existe. A escuridão na realidade é a ausência de luz. A luz pode-se estudar, a escuridão não! Até existe o prisma de Nichols para decompor a luz branca nas várias cores de que está composta, com suas diferentes longitudes de ondas. A escuridão não!


Continuou:
- Um simples raio de luz atravessa as trevas e ilumina a superfície onde termina o raio de luz.
Como pode saber quão escuro está um espaço determinado? Com base na quantidade de luz presente nesse espaço, não é assim?! Escuridão é uma definição que o homem desenvolveu para descrever o que acontece quando não há luz presente.
Finalmente, o jovem perguntou ao professor:
- Senhor, o mal existe?


Certo de que para esta questão o aluno não teria explicação, professor respondeu:
- Claro que sim! Lógico que existe. Como disse desde o começo, vemos estupros, crimes e violência no mundo todo, essas coisas são do mal!
Com um sorriso no rosto o estudante respondeu:
- O mal não existe, senhor, pelo menos não existe por si mesmo. O mal é simplesmente a ausência do bem, é o mesmo dos casos anteriores, o mal é uma definição que o homem criou para descrever a ausência de Deus. Deus não criou o mal. Não é como a fé ou como o amor, que existem como existem o calor e a luz. O mal é o resultado da humanidade não ter Deus presente em seus corações. É como acontece com o frio quando não há calor, ou a escuridão quando não há luz.


Por volta dos anos 1900, este jovem foi aplaudido de pé, e o professor apenas balançou a cabeça permanecendo calado. Imediatamente o diretor dirigiu-se àquele jovem e perguntou qual era seu nome?


E ele respondeu:
Albert Einstein, senhor!

O Sr. Bom Dia

 O sol estava brilhando forte, fazendo cintilar o orvalho acumulado nas folhas, muitas delas no chão, depois de haverem perdido a segurança das árvores na última ventania. Os canteiros e jardins refletiam um cuidado refinado, e as flores se abriam, acolhendo abelhas e beija-flores, num ritual de vida magnífico.


No meio do jardim caminhava um ancião de andar vacilante. Em suas mãos, uma sacolinha plástica, de onde tirava adubo e depositava próximo dos arbustos.


Perto dali, uma pequena lanchonete servia café e pães de queijo, atraindo sempre algumas pessoas, que sentavam-se em cadeiras estrategicamente direcionadas para o jardim.


Percebendo a presença de visitantes, o ancião imediatamente interrompeu sua atividade, levantou o “boné” de sua cabeça e curvando-se referentemente, soltou um sonoro BOM DIA!

A reação dos visitantes foi automática. - BOM DIA, SENHOR!

Percebendo que os visitantes sentaram-se nas cadeiras e conversavam freneticamente sobre suas atividades e seus planos, sem dar muita importância para o jardim, o ancião decidiu se aproximar deles.

Cumprimentou novamente, retirando o boné da cabeça e curvando-se:

– BOM DIA MEUS JOVENS!

Desta vez, apenas duas pessoas decidiram retribuir o cumprimento enquanto os demais se ocuparam de seus cafés e pães. Certamente um sentimento incômodo, muito conhecido, tomou conta de algumas daquelas pessoas, que procuravam se “proteger” de um possível e inoportuno pedido de ajuda.

O ancião não ficou satisfeito e repetiu com mais vigor:

– BOM DIA MEUS JOVENS!

Movidos por uma reação de espanto, desta vez, todos olharam para ele e responderam, inclusive pessoas que estavam nas mesas mais afastadas.

O ancião sorriu e começou a falar para quem quisesse ouvir:

– Vocês são jovens e cheios de energia. Estudam e trabalham alucinadamente. Usam computadores e celulares para se comunicarem. Falam inglês, alemão e agora até chinês. Sabem usar esta tal de internet e conseguem saber de tudo. Querem ser grandes profissionais e ter muito dinheiro.

Sob o olhar de espanto e perplexidade de todos, ele continuou:

– São tão espertos, mas não conseguem desejar um bom dia de verdade para uma pessoa. Deviam saber que desejar um “bom dia” para alguém é como adubar seu próprio dia, fazendo florescer oportunidades.

Neste momento ele levantou a sacolinha que tinha nas mãos dizendo:

– Aqui eu trago diversos “bons dias” para as flores deste jardim, assim eu recebo delas “bons dias” cada vez que elas florescem e dão frutos. Vocês estão ai, tão cheios de seus problemas, que não percebem que as flores estão dando BOM DIA a vocês também.

Diversos visitantes se voltaram para o ancião e começaram a conversar.

Ele contou que um dia, recebeu a noticia de sua demissão e ficou arrasado. Voltou para casa muito triste. Naquela noite ele dormiu muito mal e acordou com dor de cabeça e com um gosto amargo na boca.

Sentia-se perdido, sem rumo. Desejando fugir do mundo. Sua amargura era tão grande que não queria conversar com ninguém, quando mais, dizer “bom dia”.

Decidiu caminhar para esquecer os problemas.

Quando estava próximo do jardim, uma criança pegou uma flor e interrompendo a caminhada do ancião, olhou para ele e disse:

– BOM DIA! O SENHOR ESTÁ TRISTE ? TOME ESTÁ FLOR. EU ADUBEI O JARDIM A SEMANA TODA E AGORA ELA ESTÁ DESEJANDO UM BOM DIA PARA O SENHOR.

O ancião disse que aquele gesto da criança, trouxe uma alegria tão grande, que ele começou a dar “bom dia” a todas as pessoas que encontrava em sua caminhada, recebendo cumprimentos e também diversas e inesperadas reações. Contou que, recebeu tantos “bom dias” que ficou mais confiante. Afinal, aquele teria que ser um BOM DIA.

Na tarde daquele mesmo dia, decidiu sair em buscas de alternativas de trabalho e não demorou muito tempo até ele se recolocar.

A partir de então, decidiu desejar “bom dia” a todos que encontrava, e quando se aposentou, escolheu ajudar aquele menino a cuidar do jardim.

Quando contou está história, o ancião tinha 97 anos e já adubava aquele jardim há 45 anos, sendo conhecido por todos os visitantes do Jardim Botânico do Rio de Janeiro, como o Sr. BOM DIA.

O doce chocolate amargo

Quando percebi, já havia passado metade do ano.
Mais um semestre acabou.

É bem verdade que há alguns meses, as perspectivas para este ano eram bem negativas e parecia que o semestre nunca mais iria acabar.

O cenário era de crise total. Um apocalipse estava surgindo. Empresas anunciavam demissões, outras simplesmente desapareciam. Projetos que estavam prestes a começar, eram cancelados. Pessoas adiavam planos e sonhos. Muitos sentiam-se imobilizados. Nada acontecia e tudo passou a ter como explicação, A CRISE.

Durante estes últimos meses, escolhas foram feitas, decisões foram tomadas, expectativas e sonhos foram redesenhados, mesmo assim, perdas aconteceram.

Estas escolhas são como chocolate.
Como é conhecido, o chocolate tem origem em um fruto amargo, o cacau. Depois de processado, ele pode resultar em duas possibilidades de alimentos, uma doce e outra amarga.


Uma característica do cacau é que, escolhido o preparo na forma doce, não se consegue mais o sabor amargo. Evidentemente, nossas escolhas são, quase sempre, pela a primeira opção, a doce.

Sempre que fazemos escolhas, desejamos ter resultados doces e não amargos. Esperamos que nossas escolhas atendam as expectativas e sonhos, e que, tenhamos o mesmo prazer de saborear uma deliciosa barra de chocolate.

Contudo, muitas vezes esquecemos que, toda escolha traz consigo, uma perda.

Quando escolhemos o chocolate doce, estamos perdendo os benefícios proporcionados à saúde, provocados pelo chocolate amargo, que com seus antioxidantes, ajudam a proteger os vasos sanguíneos, prevenir câncer e promover a saúde do coração.

Estes benefícios não são encontrados no chocolate doce, que na verdade é uma alimento rico em calorias e por isso, deve ser consumido com moderação.

Na busca de forças para superar as dificuldades causadas pela CRISE, muitos mergulharam em justificativas e explicações pontuais para suas derrotas, outros simplesmente acompanharam o movimento das coisas, sem tentar entender profundamente os acontecimentos.

Para muitos, nos últimos meses, o chocolate doce consumido com prazer, teve que dar lugar ao chocolate amargo.

Como o semestre acabou, faça um balanço de tudo que aconteceu até aqui.

Vale retomar todos os seus contatos . Ligue pra saber como está.

Vale compartilhar suas vitórias. Quem te apoiou e torceu por você nestes meses, vai gostar de ter notícias suas.

Vale fazer novas escolhas. A crise sempre traz novas oportunidades.

A CRISE, assim como o chocolate amargo, traz benefícios em forma de aprendizados. Se soubermos extrair o melhor destes aprendizados, certamente iremos alterar nossas escolhas e determinar nosso futuro de uma forma deliciosa.

O chocolate amargo é doce, mas somente para quem sabe saboreá-lo.

Experimente!

ALÔ, COMO VOCÊ ESTÁ?

- Alô? Toco, meu amigo? Como você está?


Do outro lado da linha, uma voz rouca atendeu:

- Ola amigo, mas que surpresa a sua ligação, sabe que falei de você para meu filho estes dias?

- Filho? Como assim? Você descobriu que tem um filho?

- Opa! Você não se lembra do Toro Junior? Ele tem a idade do seu, eles até brincavam juntos.

- Toro? É você?

- Claro que sou, pra quem você ligou?

Neste momento já estava claro para os dois que a ligação aconteceu por um engano. A intenção era falar com Toco, apelido que tinha o amigo Osvaldo, mas no momento de localizar o nome no celular, a ligação foi para Toro – Alberto, um grande amigo de anos atrás, quando eles partilhavam de um mesmo local de trabalho. Dez anos separavam o telefonema e o último encontro dos dois.

- Desculpe Toro, sinto-me envergonhado, pois honestamente não era minha intenção ligar para você, mas sim para um amigo que tem um nome parecido, e que também já não converso faz algum tempo.

Ser honesto em admitir o engano ajudou a quebrar o clima e após um minuto de desculpas mútuas, engataram uma conversa muito agradável e promessas de retomada do contato com mais frequência.

Empolgado pela inusitada experiência, ele decidiu fazer novas ligações, agora escolhendo justamente aquelas pessoas que já não tinha contato há muito tempo.

Muitas reações diferentes foram acontecendo a cada nova ligação.

Casamentos, separações, filhos, novos empregos, viagens, falecimentos, o repertório era enorme. Depois de algumas ligações, sentia uma euforia enorme no peito, afinal, mesmo quando a pessoa relatava um fato triste, a conversa se transformava em palavras de apoio.

Houveram ligações em que as alegrias vividas no passado dominavam a conversa e inevitavelmente surgiam perguntas sobre outros amigos comuns, o que acabava servindo de inspiração para outras novas ligações.

Normalmente, a primeira coisa que ouvia após se identificar para o amigo, era que haviam pensado nele recentemente. Da mesma forma que aconteceu com seu amigo Toro.

Isto o deixou um pouco intrigado. Afinal, se haviam pensado nele recentemente, porque não tomaram a iniciativa de ligar?

Decidiu continuar com as ligações. Diariamente escolhia três pessoas e fazia as ligações. Sempre iniciava a conversa com:

- Alô, como você está?

Depois das primeiras formalidades, ele sempre era questionado sobre o motivo da ligação. Algumas vezes de forma elegante:

- A que devo a honra desta ligação do ilustre amigo?

Outras vezes, mais curta:

- Que manda?

De qualquer forma, sempre ficava a sensação de que a ligação tinha algum motivo primário. Ninguém parecia acreditar que realmente a ligação era somente para saber como estava.

Depois de dezenas de ligações, lembrou do amigo Toco, aquele que deveria receber a ligação no lugar do Toro. Percebeu que, enquanto ligava para outras pessoas, acabou esquecendo do amigo. Mesmo sem intenção, estava agindo da mesma forma que seus amigos. Pensava em alguém, mas acabava se ocupando com outras atividades e não fazia um contato.

Decidiu ligar para o Toco:

- Alô? Toco, meu amigo? Como você está?

- Oi cara, tudo bem? Estava pensando em você?

Com a resposta típica, ele decidiu questionar:

- Sério? Porque estava pensando em mim? Porque não me ligou?



A resposta confundiu mais do que esclareceu:

- Você não vai acreditar. Falei com uma pessoa, que falou com uma outra pessoa, que falou com outra, que disse que você havia ligado para ela.

- Como é que é?

- Pois é...quando me falaram que você estava ligando para todos os nossos amigos, eu decidi ligar pra você para convidá-lo para um jantar.

- Mesmo? Onde será o jantar? Quando?

- Então, é por isso que eu pensei em você, pois decidi convidar todos os nossos amigos para o jantar que será daqui algumas semanas na sua casa, ok?

A surpresa do convite foi rapidamente superada pela expectativa do reencontro com vários amigos, agora pessoalmente e não mais por telefone.

Lembrou-se de uma frase que ouviu em uma de suas ligações:

“as amizades precisam ser cultivadas como flores no jardim, se não forem regadas, não sobrevivem.”

Manter uma amizade é muito simples, basta uma ligação, basta um simples:

- Alô, como você está?

Pode deixar que eu sopro, filho!

Chegou o dia de inaugurar o asfalto novo na rua. Depois de muito tempo sofrendo com terra e barro, finalmente ele teria a chance de andar de bicicleta por um piso livre de buracos e deformações.


Na nova realidade as manobras seriam mais arrojadas e com uma velocidade muito maior. As frustrações sofridas pelos constantes furos nos pneus de sua bicicleta, agora estavam com os dias contados.

Surgiram novas possibilidades e com a natural ansiedade juvenil, era inevitável que, no primeiro passeio pela rua reformada, ocorresse um pequeno acidente.

Com o joelho sangrando ele foi para a casa empurrando a bicicleta. Sabia que encontraria uma dor maior do que a que estava sentindo por causa do tombo.

Sua mãe tinha uma receita infalível para aquele tipo de machucado - aplicar álcool seguido de mercurocromo - passar por aquele “martírio” sempre fez ele ficar mais atento e evitar ou esconder os tombos. Contudo, daquela vez, o destino não pouparia o sofrimento.

Ao chegar, suplicou para a mãe não mexer no machucado. Passar pela dor alucinante da aplicação do álcool e ainda sofrer o vexame de ir brincar com a perna manchada de vermelho era insuportável.

Só que desta vez sua mãe não agiu como de costume. Ao invés do enorme vidro de álcool, do pequeno frasco de mercurocromo e da caixa de algodão, ela mostrou um pequeno vidro com um rótulo onde estava escrito MERTHIOLATE.

Antes de aplicar o produto, ela lavou o machucado retirando toda areia e sujeira acumulada, aproveitou o momento para explicar que o novo produto era de um vermelho mais claro e que não deixaria manchas. Isso aliviou bastante a tensão.

Abrindo o pequeno frasco, uma pequena pá de plástico, grudada no interior da tampa, surgiu com uma quantidade do produto que tinha uma cor rosada.

Delicadamente a mãe levou aquela pazinha diretamente para a ferida.

- AAAAAAAAAiiiiiiiiii!

O grito que ele deu foi tão alto que o frasco salto da mão de sua mãe derramando todo líquido por sua perna. Chorando disse:

- Mãe este negócio arde mais que fogo! Tá queimando! Tá queimando...

Ela reagiu carinhosamente...

- Pode deixar que eu sopro, filho!
 
O alívio acontecia lentamente e apesar de sua perna estar completamente manchada pelo produto derramado, ele sentia conforto a cada sopro que recebia de sua mãe.


Muitos sopros foram necessários durante a infância e mesmo depois que ele cresceu, o MERTHIOLATE continuou a arder, somente suas reações mudaram. Os gritos de dor e os sopros carinhosos de sua mãe foram substituídos por caretas e sopros que ele mesmo dava em seus ferimentos.

Recentemente soube que alteraram a fórmula do produto. Agora, o MERTHIOLATE não arde mais e é completamente incolor.

Ele percebeu esta mudança em uma ocasião, quando seu filho havia se machucado, também andando de bicicleta. Quando o menino chegou mostrando o ferimento, percebeu que ele não tinha receio da aplicação do produto, aliás, dispensou qualquer pedido de ajuda, apenas lavou o ferimento e perguntou onde estava o MERTHIOLATE.

Neste momento, o orgulho inicial provocado pela “autonomia” da criança, deu lugar a um sentimento de perda de algo que havia sido muito importante para ele na infância – aquela carinhosa frase dita por sua mãe:

- Pode deixar que eu sopro, filho!

Lembrou-se de todos os tombos, das aplicações do MERTHIOLATE e de como estas “dores” foram fundamentais em sua formação e em suas escolhas.

Percebeu que as facilidades dos dias atuais estão protegendo as crianças de “dores” importantes, e isso aumenta a responsabilidade na formação dos valores e do caráter destas crianças usando principalmente o diálogo.

Claro que ele não deseja o sofrimento do filho, contudo, lamentou profundamente que ele não tenha mais o privilégio de descobrir, usando MERTHIOLATE, como é poderoso o “sopro da mamãe”.

O melhor lugar do mundo para se viver

Aquele menino não tinha limites para seus sonhos.


Diante da euforia mundial com a chegada do primeiro homem na Lua, ele sonhou em ser astronauta. Seu herói era Neil Armstrong, que podia ficar longe das guerras e das revoluções. No sonho, o espaço sideral era o melhor lugar do mundo para se viver.

Poucos anos se passaram e um terrível incêndio virou noticia instantânea na televisão. Ele via pessoas em chamas, se atirando para a morte, numa das primeiras transmissões ao vivo da TV. Neste momento, sonhou ser um Bombeiro. Seu herói era anônimo, que ajudava as pessoas a ficarem longe do perigo. No sonho, sua cidade, era o melhor lugar do mundo para se viver.

Quando seu pai começou a dirigir um automóvel, sua família ficou muito orgulhosa e contente, pois agora poderiam passear com maior comodidade. Ter o carro na garagem de casa o levou ao mundo dos automóveis, e assistir o piloto de corridas favorito ganhar o grande prêmio, virou programa principal nos domingos. Foi quando ele sonhou ser um piloto de Formula 1. Seu herói era Emerson Fittipaldi, que usando sua habilidade, mostrava a todos que estar atrás do volante de um carro de corrida, era o melhor lugar do mundo para se viver.
 
Certa vez, um circo chegou na cidade despertando a curiosidade do menino, pois haviam muitas coisas diferentes e novas naquele lugar.


Ele conheceu a coragem do domador de leões. Teve a mente desafiada pelas habilidades do acrobata. Ficou impressionado com o carisma do mágico. Todos eram vibrantes e sedutores em suas apresentações. O colorido era intenso, muitos sonhos aconteceram simultaneamente, muitos heróis surgiam.

O menino ficou zonzo, não conseguia escolher um herói para seu sonho. Ele queria ser todos ao mesmo tempo, mas sabia que seria impossível. Teria que escolher um.

Muitos anos se passaram sem a escolha, por isso aquele sonho não se finalizou por estar sem um herói.

Quando o menino cresceu, viu que as crianças já não sonhavam mais da mesma maneira. Os estímulos era tantos, as novas tecnologias traziam tantas possibilidades que não havia mais a busca por heróis, apenas por experiências intensas.

Lembrou-se então do seu sonho e decidiu procurar um circo para levar as crianças de hoje. Infelizmente não encontrou.

Vendo sua tristeza, uma das criança sugeriu que ele procurasse algum vídeo na internet. Muito cético, ele relutou, pois acreditava que não haveriam vídeos sobre circo.

A destreza da criança em pesquisar o assunto na rede mundial impressionava e não demorou muito, vários vídeos estavam disponíveis. Um particularmente chamou a atenção, pois falava exatamente de um personagem que ele havia conhecido naquela sua visita ao circo quando era criança.

Naquele ocasião viu entrando no palco, uma figura multi-colorida e cativante. Que teve coragem de entrar na jaula dos leões e brincar com eles. Que subiu no trapézio e voou com o acrobata, e depois tirou o coelho da cartola do mágico.

Tanto ele quando a criança que hoje o auxiliava ficaram encantados como a homenagem que estavam prestando aquele personagem.

Chorando, ele disse à criança que depois de tantos anos, havia sonhado novamente.

Desta vez sonhou ser um palhaço. Seu herói se chamava Arrelia, que usava todo seu sorriso para fazer do mundo, o melhor lugar para se viver.

A Geração Y quer crescer

Muito tem se falado sobre as expectativas da geração Y. Institutos de Pesquisa aceleram seus trabalhos, psicólogos, antropólogos e sociólogos se dividem em opiniões divergentes. Gestores ficam angustiados vendo seus esforços alcançarem poucos resultados favoráveis na gestão de suas equipes. Professores e Pais se confrontam, tentando apontar culpados por não entenderem os comportamentos de seus filhos e alunos.


Enquanto isso, encontramos os jovens literalmente lutando por experiências e desafios que possam dar significado para toda qualificação que receberam durante a vida.

O cenário é complexo e o ambiente atual é de extrema competição e conflito, onde observamos atitudes radicais de todos os participantes deste jogo. De um lado estão as pessoas de gerações mais tradicionais, como a Baby Boomers e X, acreditando que ainda estão no comando do jogo e portanto, em condições de estabelecer as regras e os resultados. Do outro lado, vemos a geração Y e a cada vez mais presente, geração Z, impondo seu estilo de vida, fazendo uso de sua incontestável vantagem no uso da tecnologia.

O maior desafio deste cenário está em criar condições para os jovens assumirem seu lugar no mundo, principalmente no ambiente de trabalho.

Empresas e gestores de RH estão percebendo que os instrumentos clássicos de motivação como aumentos de salários, bônus e carreiras estruturadas já não atingem tanto estes jovens. Para obterem o engajamento com os objetivos da empresa, os gestores estão precisando desenvolver um ambiente mais lúdico, com roupas casuais, muita tecnologia e oportunidades sociais que misturam as linhas entre trabalho e lazer. Isso não é fácil para uma geração de gestores que se desenvolveu sob o lema “primeiro o dever, depois o lazer”.

Também em nada colabora, o ceticismo com que a geração Y é avaliada quando se apresenta como multi-tarefa e ambiciosa. Os jovens estão acostumados a fazer muitas coisas ao mesmo tempo. Na escola, eles faziam seus deveres enquanto assistiam televisão, ouviam música e navegavam na Internet e MSN. Agora eles esperam trabalhar da mesma maneira.

A consequência natural para todo este cenário são os estereótipos exagerados que classificam os jovens, como desfocados, descompromissados, infiéis, impacientes, etc.

Conversando com um executivo recentemente fui questionado: “Se são tantos problemas com esta geração, porque nós devemos nos importar? “

A resposta mais franca e pragmática que puder oferecer é que, a geração Y representará mais das metade da força de trabalho nos próximos anos, por isso é inevitável que aprendamos a lidar com estes novos profissionais.

Os executivos de grandes empresas tentam lidar com os desafios de ter que proteger a empresa, seus clientes, seus processos, estruturas e resultados. Com tantas prioridades deixam de atrair talentos da Geração Y, pois não consideram importante lutar para mantê-los satisfeitos e retê-los.

Tudo isso não significa que a Geração Y é infalível e superpoderosa. Eles caminham diariamente para seus cursos e faculdades, buscando incessantemente uma qualificação adicional que possam colocá-los em condições de vantagem diante do quadro de hiper-competição.

Na realidade, estes jovens ainda estão começando os desafios de sua vida e precisam urgentemente de experiências que permitam seu crescimento. Não apenas de experiências boas e divertidas, mas também daquelas que provoquem marcas e ajudem a desenvolver o caráter.

A geração Y quer crescer. Precisamos deixar ela seguir seu caminho!

Redes Sociais - Você ainda vai usar!

“Era a quinta vez que ele recebia um convite para participar de um jogo em uma comunidade virtual. Como anteriormente, o convite era solenemente ignorado e deletado. A única conclusão razoável para este tipo de divertimento virtual, era que consumia tempo de jovens desocupados ou completamente desorientados. Como alguém pode perder tempo fazendo colheitas virtuais ou ainda cuidando de lanchonetes e aquários digitais?”


"Uma pesquisa feita pela Socitm na Inglaterra apurou que 67% dos conselhos administrativos nas empresas baniram completamente o acesso às principais redes sociais no ambiente de trabalho por meio do bloqueio das páginas dos principais sites (Twitter, Facebook e Linkedin). Os motivos alegados para o bloqueio foram o temor da exposição a vírus e outras ameaças aos computadores das empresas, além da avaliação de que, o acesso a estas redes sociais representam uma grande “perda de tempo” pelos funcionários."

Li recentemente os textos acima em sites e blogs na internet e fiquei preocupado com a interpretação que muitos estão dando para o fenômeno das redes sociais. Em meu último artigo sobre este fenômeno (A internet livre da geração Y ) proponho uma reflexão mais atual sobre a impossibilidade de impor barreiras e bloqueios a este comportamento, contudo vejo que, infelizmente poucos gestores se lembram que a internet também foi considerada uma “porta aberta” para vírus e outras ameaças.

No início da internet poucos funcionários tinham acesso a uma conexão e a um navegador Netscape em seu micro, pois o mesmo era bloqueado por ser considerado “perda de tempo”. Da mesma forma, uma conta de e-mail só era fornecida aos que tinham cargos mais graduados na empresa, pois presumiam que somente estes funcionários teriam discernimento para utilizar a rede. -. Outra pesquisa feita pela consultoria Robert Half apurou que cerca de 90% dos profissionais brasileiros que hoje estão em cargos de alta e média gerência participam ativamente das redes sociais.

Tudo Isto foi inútil, pois quem tinha desejo em acessar a rede criou alternativas e caminhos para superar os bloqueios e barreiras e o tempo mostrou que a lentidão em a aceitar o fenômeno da internet trouxe apenas mais custos para quem demorou a se adaptar a nova realidade.

Apesar de toda esta experiência recente, ainda vemos alguns mitos surgindo para justificar a existência destes bloqueios. Alguns destes mitos são:

É feito apenas para crianças. – anulando qualquer argumento que diz que as redes sociais são redutos infantis na internet, foi observado em um estudo recente que as redes sociais tiveram um crescimento de mais de 200%, estimados em mais de 250 milhões de novos usuários com idade entre 34 e 50 anos somente em 2009.

Os relacionamentos em redes sociais são superficiais. - Este pensamento tenta avaliar como desperdício de tempo qualquer contato com pessoas que você não conhece na vida real, pois não cria relações duradouras. Na verdade o fato é justamente o oposto, uma vez que as redes sociais permitem um contato mais direto em seus relacionamentos. Para as empresas esta conexão é ainda mais significativa, pois podem obter informações valiosas sobre o comportamento de seus clientes.

É apenas o assunto do momento, a moda vai passar – Realmente há um frenesi nos meios de comunicações sobre este fenômeno levando muitos a se tornarem céticos e criarem barreiras pessoais para o que consideram uma mania temporária. Mas as redes sociais são ferramentas de uma mudança mais profunda e fundamental. Estamos entrando em uma era onde tudo está se conectando, nossa forma de consumir, nossa forma de trabalhar, nossa forma de estabelecer amizades e relacionamentos, enfim nosso estilo de vida.

Filho, escolhe um!

Foi a primeira vez que ele visitou uma loja de brinquedos.


As cores intensas brilhavam em seus olhos. Logo na entrada havia uma máquina que oferecia gomas de mascar em troca de moedas. As prateleiras baixas facilitavam o acesso aos brinquedos e a liberdade dada pelos atendentes era um convite para pegar cada produto. O som da música, que lembrava um parque de diversões, deixava o clima mágico!

Não havia como explicar o êxtase do momento, ele só conseguia sorrir e gritar. Sem tomar fôlego, partiu para a primeira prateleira - pegou um carrinho e também um videogame. Virando-se agarrou uma caixa de jogo de tabuleiro, um avião e uma bola.

Quase não conseguia se equilibrar, mesmo assim, ele não largava nenhum brinquedo, continuava olhando intensamente cada prateleira, como se buscasse alguma coisa que ainda não tivesse visto.

Com vários brinquedos nas mãos caminhava para uma bicicleta quando uma mão forte segurou em seu ombro e disse:

- Filho, escolhe um!

Até aquele momento ele não havia imaginado que precisaria fazer uma escolha. O sorriso e euforia deram lugar a uma pergunta:

- Só um?

As possibilidades era tantas e tão interessantes que não conseguia ver uma razão para fazer esta escolha. Ainda sem largar os brinquedos perguntou:

- Porque tenho que escolher um?

O pai respondeu:

- Você precisa escolher para poder brincar.

O menino argumentou:

- Mas se eu escolher um, não vou brincar com os outros...

O pai olhou com paciência para o filho e disse:

- Se você quer alguma coisa, precisa fazer uma escolha. E toda escolha provoca uma perda.

O menino não estava muito satisfeito com a lição:

- Mas eu não quero perder nada. Eu quero brincar com todos os brinquedos.

Olhando o menino equilibrar os brinquedos, o pai falou:

- Filho, você está vendo que segurando todos ao mesmo tempo, não consegue brincar com nenhum?

Seu pai explicou que, quando era criança, também havia visitado uma loja de brinquedos com o pai.

Falou que naquele tempo, as coisas aconteciam de modo diferente. As lojas mantinham os brinquedos em prateleiras altas e nada podia ser tocado antes de comprar. Foi assim que ele aprendeu a fazer suas primeiras escolhas.

Como as coisas hoje são mais disponíveis e as possibilidades são maiores, parece mais complicado fazer escolhas.

O pai completou:

- Você precisa fazer uma escolha: Segurar ou brincar. Se quer segurar brinquedos, poderá manter alguns nas mãos, mas, se quer brincar precisa escolher um.

O menino aceitou o argumento do pai e largou todos os brinquedos, mantendo apenas o carrinho nas mãos. Satisfeito com a sua escolha, saíram da loja. Ele sorria e brincava empolgado com o novo brinquedo.

Passando em seguida por uma confeitaria, seus olhos foram capturados pela visão de diversos doces coloridos no balcão. O menino olhou para o pai e sorrindo disse:

- Já sei, já sei... Escolhe um!

Aquele menino somente saberá a dimensão da lição que estava aprendendo, quando chegar a hora de fazer escolhas que irão determinar seu futuro. Em alguns anos, ele descobrirá que serão necessárias escolhas que definam sua carreira, seus relacionamentos e sua trajetória de vida.

Mesmo que ele tenha inúmeras possibilidades quando estiver prestes a entrar na universidade, diversas opções de relacionamentos amorosos, várias propostas de trabalho em qualquer lugar do planeta, ainda ouvirá a voz de seu pai dizendo:

- Filho, escolhe um!

O que está acontecendo não é para sempre!

Certa vez, um imperador assumiu o trono de seu reino disposto a fazer um grande reinado. Para isso, convocou todos os sábios do pais, para que eles apresentassem conselhos sobre como o rei deveria agir para cumprir a difícil tarefa.
Os sábios reuniram-se durantes vários dias e depois de muitas reflexões, concluíram que a melhor forma de ajudar o novo rei era dar-lhe dois conselhos em envelopes diferentes.
Retornaram ao rei e lhe entregaram os envelopes explicando que cada um continha um conselho precioso e que somente deveriam ser abertos em momentos específicos.
O primeiro envelope era Azul. Explicaram ao rei que este envelope deveria ser aberto quando o reino estivesse caminhando muito bem.
O outro era Verde e deveria ser aberto somente quando o reino estivesse passando por problemas terríveis.
Depois de alguns anos, o país prosperava, não haviam guerras e o povo estava muito feliz com tudo que haviam conquistado. O rei estava tão satisfeito com seu reinado que decidiu abrir o envelope Azul. Encontrou o antigo conselho de seus sábios:

O que está acontecendo não é para sempre! Isso vai passar, esteja preparado!

O rei ficou um pouco perplexo, pois esperava algum conselho mais grandioso e positivo e não um alerta sombrio.

De qualquer forma, continuou seu reinado e alguns anos depois houve uma série de acontecimentos terríveis.

Uma grande seca atingiu seu pais trazendo pela primeira vez a fome para seu povo. Também surgiram algumas pragas que acabaram com as plantações e trouxeram muitas doenças. Os eventos climáticos afetaram outros países próximos, e a disputa por alimento provocou conflitos com os reinos vizinhos.

O Rei estava muito triste. Sentia-se impotente, derrotado e sem mais alternativas.

Lembrou-se do envelope Azul e do conselho que havia recebido e mesmo relutante, decidiu abrir o envelope Verde. Lá encontrou o conselho:

O que está acontecendo não é para sempre! Isso vai passar, esteja preparado!

Me contaram essa estória há algum tempo, quando vivia momentos turbulentos.
Este ano, tenho evitado sistematicamente ser um espectador dos noticiários. A quantidade de informações pessimistas é tão sufocante, que já estou me acostumando com o desconforto que elas provocam.

Todos os dias grandes empresas anunciam demissões em massa, governos decretam medidas “salvadoras”, índices negativos de toda natureza são apresentados como “sinais dos tempos” e filas de desempregados fazem parte das manchetes.

Entretanto, os fatos sempre nos surpreendem quando estamos cobertos de sentimentos de impotência diante das circunstâncias que a crise traz para o nosso cotidiano.

Devemos “garimpar” notícias diferentes! Se 2009 foi um ano difícil, devemos nos movimentar para tranformar 2010 em um ano diferente.

O que está acontecendo não é para sempre! Isso vai passar, esteja preparado!

Abram seus ENVELOPES VERDES e busquem novas forças !
PREPAREM-SE para o que está por acontecer!
Certamente algo magnífico está chegando!