Ataque de hackers ao Citibank afetou 360 mil contas de clientes

O Citigroup informou que um ataque hacker em maio atingiu quase o dobro do número de contas inicialmente estimado pelo banco. Um total de 360.073 contas norte-americanas de cartões de crédito do Citigroup foram afetadas pela invasão, informou o banco em comunicado divulgado na quarta-feira (15).

Dos atingidos, 217.657 clientes receberam cartões novos e uma carta de notificação, enquanto as demais contas estavam inativas ou já haviam recebido cartões novos previamente, acrescentou o banco.

O Citigroup havia informado anteriormente que cerca de 1% de suas contas na América do Norte foram atingidas. O balanço anual da instituição estima seu número de correntistas em 21 milhões.


"A discrepância se deve, no geral, ao fato de que nosso número de contas é maior que o informado pelo balanço anual de 2010, e a fatores tais como o fato de que algumas das contas estavam fechadas", disse Sean Kevelighan, porta-voz do Citigroup nos Estados Unidos.

Os hackers conseguiram acesso a nomes, números de conta e dados de contato dos clientes. No entanto, o Citi informou que "informações críticas para cometer fraudes não foram comprometidas", e que outros sistemas on-line de sua divisão de varejo bancário não haviam sido afetados.

O Citigroup também informou ter identificado "a maioria" das contas comprometidas em prazo de sete dias e acrescentou que os dados sobre as contas foram obtidos pelos invasores em 24 de maio. Apesar disso, os clientes só começaram a ser notificados em 3 de junho.

0 Comentário(s):

Postar um comentário

Gostou da matéria?
Que tal deixar um comentário aqui pra mim?
Você comenta bem rapidinho!