Turista francês é agredido na rua Augusta em SP

Um turista francês foi agredido na madrugada desta quarta-feira na rua Augusta próxima a Oscar Freire, na região da avenida Paulista, em São Paulo. Ele acha que foi confundido com um homossexual.

Eram quase 2h, quando um homem atravessou a rua e desferiu um soco no rosto do turista, um ilustrador heterossexual, que vive na Argentina e pediu para não ter seu nome divulgado.

"Achei que tinha batido o rosto num poste. Na hora, não percebi que tinha sido agredido", afirmou a vítima.

O francês tinha acabado de sair com dois amigos argentinos da galeria Logo, onde preparava uma exposição, e estava procurando um bar na região. Conforme um desses amigos, o agressor estava com um soco inglês.

O turista não registrou boletim de ocorrência e disse que não o faria porque não queria ter mais problemas para resolver no Brasil. Ele foi atendido nos Hospital das Clínicas e precisará passar por uma cirurgia, já que teve um osso da face fraturado.

Ates de viajar a São Paulo, o francês esteve no Rio de Janeiro com os mesmos amigos. "Não esperava passar por isso em São Paulo. No Rio, andamos perto de favelas, em multidões e nada nos aconteceu", disse.

OUTROS CASOS
Diversos casos de agressão ocorreram neste ano na região da avenida Paulista. A maioria teve motivação homofóbica.

O caso mais recente ocorreu no dia 29 de outubro, quando um homem de 28 anos levou socos e pontapés na avenida Brigadeiro Luís Antônio, esquina com a avenida Paulista.

A vítima teve uma fratura no braço esquerdo, um dente quebrado e levou quatro pontos no queixo. A vítima disse à polícia que voltava da casa de um amigo, por volta das 4h, quando foi abordada por um homem que falou algo que ela não conseguiu entender. Ao questionar o desconhecido, ela teria levado uma rasteira e caído no chão. Nesse momento, passou a ser agredida com socos e pontapés em várias partes do corpo.

No início do mês passado, um casal gay foi atacado na Consolação. Um deles teve a perna quebrada e fraturou o crânio. Em agosto, dois homens foram agredidos na entrada do metrô Consolação. Uma das vítimas recebeu pontos na cabeça após ser atingido por um copo e quebrou o dedo indicador da mão direita (Fonte: G1.com.br)

0 Comentário(s):

Postar um comentário

Gostou da matéria?
Que tal deixar um comentário aqui pra mim?
Você comenta bem rapidinho!