O Filho do Brasil. Ele está de volta


Com a disposição para o trabalho que o levou de metalúrgico a presidente da República e com a felicidade do mais comum dos convalescentes que se vê livre de uma doença, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez dois telefonemas na manhã da quarta-feira 28. O motivo das ligações era o mesmo: ele recebera a notícia de que seus últimos exames do câncer de laringe apontavam a “ausência de tumor visível”. Ou seja: o ex-presidente está livre da doença, conforme adiantou ISTOÉ na edição de 15 de fevereiro. Ao atender a ligação de Lula, o presidente em exercício, Marco Maia, ouviu: “Estou emocionado de tanta felicidade.” O outro telefonema foi para a presidenta Dilma Rousseff, na Índia, no qual ele anunciou seu retorno às articulações políticas – tema também inevitável na visita amiga que FHC lhe fez no hospital (foto). Lula só driblou os médicos: jurou que descansaria por 20 dias, mas já está certa a sua presença na inauguração do primeiro CEU de São Bernardo dentro de duas semanas.

Fonte

0 Comentário(s):

Postar um comentário

Gostou da matéria?
Que tal deixar um comentário aqui pra mim?
Você comenta bem rapidinho!