Espera pela escolha do reitor da UFC chega perto de três meses

Cândido Albuquerque e Custódio Almeida posam para fotos em evento no RioMar Fortaleza.


Foi-se mais um dia e o Ministério da Educação não decidiu quem será o próximo reitor da Universidade Federal do Ceará (UFC). Já se passaram 53 dias desde que o Conselho Universitário da UFC formulou a listra tríplice que foi submetida ao Ministério que concede a palavra final ao presidente da República. A lista é formada (seguindo do mais ao menos votado) pelo atual vice-reitor, Custódio Almeida, o diretor da Faculdade de Direito, Cândido Albuquerque e a diretora do Campus de Crateús, Maria Elias Soares.

A única certeza quanto à escolha que será feita por Jair Bolsonaro é que não há certezas. A maior parte das escolhas até aqui respeitou o resultado das consultas às comunidades universitárias. Porém, em três casos o presidente o não nomeou o primeiro colocado da lista tríplice. Na semana passada, o o professor Janir Alves Soares, terceiro mais votado, foi escolhido reitor da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM). A chapa de Soares recebeu apenas 5,2% dos votos válidos dos professores, funcionários e alunos da Universidade mineira.

Bolsonaro já havia nomeado o segundo e terceiro colocados, respectivamente, para as federais do Triângulo Mineiro (UFTM) e do Recôncavo da Bahia (UFRB). Já são oitos escolhas até aqui.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Vamos fazer um Tour pela Casa Branca (White House)?

Kirin anuncia compra de 100% da Schincariol

Fundo Amazônia tem 30 projetos, com R$ 300 milhões em financiamentos do BNDES