Comercial da Motorola é proibido na Inglaterra por propaganda enganosa

Mais um atrito judicial envolvendo uma grande fabricante de celulares, desta vez a Motorola. A empresa teve um comercial proibido de ir ao ar na Inglaterra após usuários do Samsung Galaxy S II i9000 reclamarem junto ao Advertising Standards Authority (ASA), órgão responsável pela regulamentação da publicidade no país britânico.

Segundo o jornal The Guardian, usuários do aparelho rival do Atrix alegaram que a propaganda é enganosa por afirmar que o dispositivo é “o mais poderoso do mundo”, pois, segundo eles, o processador do Galaxy S II é superior ao do concorrente.

A resposta da Motorola consistiu em afirmar que a propaganda não exibe todas as características do Atrix. Ela alega que o aparelho possui, por exemplo, bateria 20% mais potente que todos os demais smartphones e recursos de segurança biométrica. Assim sendo, mesmo afirmando que o Galaxy tem um processador “um pouco mais rápido”, o Atrix merece a classificação que recebeu na propaganda pelo “conjunto da obra”.

A ASA não deu muita atenção às justificativas da Motorola e resolveu proibir a veiculação do comercial, dando razão para os usuários do Galaxy que reclamaram. Além disso, o órgão regulador determinou que a fabricante não deve reivindicar para o Atrix o status de “smartphone mais poderoso do mundo”.

0 Comentário(s):

Postar um comentário

Gostou da matéria?
Que tal deixar um comentário aqui pra mim?
Você comenta bem rapidinho!