Universidade Federal do Ceará adotará ENEM como forma de ingresso

O Reitor Jesualdo Farias anunciou, em entrevista coletiva concedida no auditório da Casa de José de Alencar, na tarde de hoje, sexta-feira (26), que a Universidade Federal do Ceará adotará o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) em substituição ao Vestibular (fase única), como processo seletivo para ingresso de estudantes na instituição. A medida já entra em vigor este ano e a Universidade terá um prazo de 90 dias para se adequar ao novo sistema.

A decisão foi tomada agora à tarde por ato ad referendum, instrumento jurídico previsto no estatuto da UFC, após análise do respaldo político e jurídico pela Administração Superior.

Pela manhã, a reunião do Conselho Universitário – instância máxima deliberativa da Universidade Federal do Ceará – convocada para decidir sobre a proposta de adesão da UFC ao Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), havia sido suspensa por volta das 9h30min, devido à invasão por um grupo de estudantes.

Na coletiva, o Prof. Jesualdo Farias lembrou que 14 das 15 unidades acadêmicas da UFC manifestaram-se a favor da adesão ao ENEM, assim como 82% dos professores que responderam à consulta realizada pela Associação dos Docentes da UFC (ADUFC). Além disso, destacou que o próprio Conselho de Entidades de Base (CEB) – instância deliberativa do movimento estudantil da universidade – votou pela aprovação da adesão ao ENEM.

Dos 46 membros do Consuni, 39 assinaram a ata da reunião da manhã de hoje. Após a interrupção da reunião, cerca de 80% dos conselheiros enviaram documento ao Reitor solicitando que, usando de instrumento legal, fosse acatada a decisão da comunidade universitária a favor da adoção do ENEM. Em sua fala, o Prof. Jesualdo Farias admitiu que o ENEM  é um instrumento que está em processo de aprimoramento,  mas destacou que é, no momento, a forma de socializar o ingresso na universidade.

Escolhido para atuar como relator do processo sobre adotar ou não o Exame Nacional do Ensino Médio, o Prof. Ciro Nogueira Filho, Diretor do Campus da UFC em Quixadá, deu seu parecer, no qual foram analisados diversos pontos. Foram tópicos considerados a apreciação da Coordenadoria de Concursos (CCV); consultas ao Ministério da Educação (MEC); Lei de Diretrizes e Bases; parâmetros curriculares nacionais para o Ensino Médio e provas do ENEM já aplicadas.

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social e Marketing Institucional da UFC - (fone: 85 3366 7331)

0 Comentário(s):

Postar um comentário

Gostou da matéria?
Que tal deixar um comentário aqui pra mim?
Você comenta bem rapidinho!