O CRAQUE RONALDINHO

MILÃO – Com as suas 15 assistências e seus 12 gols, o craque brasileiro Ronaldinho continua a ser elogiado em todo o mundo.

Após a fantástica apresentação contra a Atalanta, o site brasileiro globoesporte.com, com seu jornalista brasileiro Decio Lopes, dedicou a Ronaldinho um editorial, colocando em evidência as suas formidáveis condições físicas e técnicas.

do editorial:
CRAQUE, MAIS UMA VEZ…
Lembrei-me dele há pouco, vendo o Milan vencer mais uma partida pelo Campeonato Italiano. Para começar, Pato jogou muito, fez dois gols mas, infelizmente, saiu lesionado. Uma pena. Em um momento tão bom… Esperemos que a recuperação seja rápida.
Mas o que eu gostaria de comentar mesmo é o momento de Ronaldinho Gaúcho. Não quero ser chato e repetitivo. Não estou aqui para fazer lobby. Concordo com Dunga sobre um certo “espírito de porco” de sempre gostarmos mais dos jogadores que não estão convocados… Mas há casos e casos.
E, no mais, futebol é ou não é ”momento”
É importante, como jornalista, informar ao torcedor - que nem sempre costuma acompanhar os campeonatos europeus – que Ronaldinho teve mais uma atuação de gala. Perdeu um pênalti, é verdade. Mas foi, MAIS UMA VEZ, decisivo em todos os gols, deu passes fantásticos, foi acionado em praticamente todos os ataques do Milan e esteve perigoso durante os 90 minutos. Mais ainda: ele criou alguns daqueles momentos que a gente simplesmente não vê mais no futebol atual. Brilhante!

Ronaldinho em suas melhores condições é simplesmente deslumbrante em campo. Sabem por que? Porque desafia o senso comum. É único. Desafio o óbvio. Desafia a lógica. E o melhor da arte sempre foi rir da lógica…
 Mesmo com o pouquíssimo espaço do futebol moderno, com o preparo físico espetacular dos defensores, com as defesas super táticas italianas, com tudo o que justificaria o fim do futebol-arte… Mesmo com tudo isso ele vai lá e cria jogadas dignas da seleção de 70, da seleção de 82, dos mais lindos momentos do nosso esporte preferido… Ronaldinho, em seus melhores momentos (como o atual) nos mostra que ainda é possível, sim, acreditar no futebol lindo (e não por isso menos objetivo).
Ele está voltando àquela forma em que até a torcida adversária levanta-se para aplaudir.
E como “futebol é momento“… Deixa pra lá. Não quero ser repetitivo…


0 Comentário(s):

Postar um comentário

Gostou da matéria?
Que tal deixar um comentário aqui pra mim?
Você comenta bem rapidinho!