Candidatos são retirados da prova por tuitarem durante o Enem, diz Inep

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), autarquia do Ministério da Educação responsável pela organização do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), informou neste sábado (22) que oito candidatos foram retirados do seu local de prova após serem flagrados por fiscais usando celulares para tuitar e até enviar fotos do caderno de questões. Segundo o MEC, os estudantes eram das seguintes cidades: Arari (MA), Foz do Iguaçu (PR), Guaíba (RS), Itararé (SP), Rio de Janeiro (RJ), Sananduva (RS), Santarém (PA) e Santo André, no ABC.

Segundo o edital do Enem, é proibido usar aparelhos emissores e receptores de mensagens. O Inep vai divulgar mais tarde uma nota oficial sobre os locais de prova onde estas práticas foram registradas.

Diz ainda o edital do Enem: "O particpante deverá guardar, antes do início das provas, em embalagem porta-objetos fornecida pelo aplicador, telefone celular desligado, quaisquer outros equipamentos eletrônicos desligados e outros pertences listados no item anterior, sob pena de eliminação".

Em nota, o MEC informou que não houve outros casos de expulsão e que a aplicação do primeiro dia de exame ocorreu de forma tranquila.

Neste sábado mais de 5,3 milhões de candidatos fazem as provas de Ciências Humanas e suas
Tecnologias e de Ciências da Natureza e suas Tecnologias. São 45 questões de cada prova. Os portões foram fechados às 13h (horário de Brasília) e os candidatos podem fazer as provas por 4h30. Os estudantes podem deixar o local de prova desde as 15h (de Brasília). (Fonte G1)

0 Comentário(s):

Postar um comentário

Gostou da matéria?
Que tal deixar um comentário aqui pra mim?
Você comenta bem rapidinho!